CONFLITO DE AMOR

                                             Muriel Elisa Távora Niess Pokk – 1984

Sei que não devia,

Mas sinto uma saudade imensa de você.

O destino foi cruel...

Desmanchou o nosso casamento

Que durou que durou tão pouco...

Apenas sete anos.

Como eu queria que tudo isso

Não passasse de um sonho mal,

E ao despertar, encontrasse você

 Novamente ao meu lado na cama.

Por que a vida tinha que fazer isso comigo?

Por que ela tinha que colocar

Outra no teu caminho?

Por que você tinha que ir embora?

Minhas perguntas ecoam sem resposta,

Enquanto eu morro aos poucos,

 de saudades de você...

Volta meu amor, volta.

Registrado em cartório